Uva castelão

Castelão é uma casta de uva tinta portuguesa conhecida na região de Setúbal por Periquita, também chamada João de Santarém ou Castelão Francês. Embora seja cultivada por todo o país, destaca-se sobretudo nas regiões costeiras a sul e por vezes entra na constituição do Vinho do Porto. Esta casta revela o seu . Presente em áreas de cultivo de Portugal e Espanha, a uva Castelão , também chamada de Periquita, produz vinhos tintos varietais de médio corpo, com cor rubi e sabor que se assemelha a amoras, cerejas e groselha. A casta também é empregada na produção de vinhos rosés e blends variados.

Essa é uma das 2uvas nativas de Portugal, que formam a identidade única dos vinhos deste país.

A Castelão é uma das variedades mais cultivadas em Portugal, e embora se desenvolva melhor em climas quentes e solos secos e arenosos, é uma casta bastante adaptável. Mas sua preferência por solos difíceis, . Uma das tintas com mais área plantada no país. Produz vinhos dependendo da condução das videiras. Como é muito vigorosa há que se ter cuidados para que possamos ter uvas de qualidade. Há vinhos populares como verdadeiras joias engarrafadas.

Apresenta porte semi-erecto, carece de poda em verde e agradece práticas de maneio que lhe aumentem o arejamento, principalmente na época da floração. Muito sensível à traça da uva.

Sensível às doenças do lenho. CONTRIBUIÇÃO DA DIRECÇÃO REGIONAL DE AGRICULTURA DO RIBATEJO E OESTE ( DRARO). Castelão – Descubra a história e as características desta casta de vinho: os aromas, os sabores e os pratos ideias para acompanhar. Todos os detalhes sobre a uva Castelão você conhece no Vino Emporium.

A casta Castelão é uma casta autóctone portuguesa cuja atual utilização para plantações é de. Os vinhos reflectem a natureza das uvas , apresentando-se abertos de cor, com menor capacidade de envelhecimento e mais adequados para beber novos. Para quem gosta de Barbera, Cabernet Franc Maduro ou Tempranillo ( um Rioja encorpado).

Uva portuguesa que tornou-se muito famosa aqui no Brasil por um de seus muitos nomes, Periquita, como é chamada na região de Setúbal. Seus vinhos varietais normalmente têm bom frescor e leve acidez, taninos bem presentes, marcados, principalmente quando são jovens. Vai bem com carnes vermelhas . Os vinhos portugueses são distintos e únicos, pois representam a qualidade e personalidade das uvas com as quais são produzidos.

Touriga Nacional, Baga, Castelão , Touriga Franca e Trincadeira são algumas das tintas mais importantes do país. Uva tinta cultivada em Portugal. CLASSIFICAÇÃO Vinho Regional Tejo. CASTAS Trincadeira e Castelão.

VINIFICAÇÃO Uvas colhidas com base no controlo de maturação. As uvas foram 1 desengaçadas à entrada da adega.

A fermentação ocorreu a uma temperatura controlada com leveduras selecionadas. A fama dos vinhos produzidos com as uvas da Cova da Periquita terá levado a que os . Esses vinhos especificamente devem conter no mínimo dois terços das uvas moscatel de Setúbal (brancos) ou moscatel roxo (tintos), no caso da primeira D. A região, aliás, é o berço dos melhores vinhos feitos com a uva castelão , uma das mais emblemáticas castas . Plantou então várias uvas da casta Castelão, que . O Periquita tem história, e o seu nome acabou sendo confundido com o da uva Castelão Francês. A uva foi -se difundindo a partir dessa propriedade e passou a ser conhecida como a uva da . José Maria da Fonseca, o fundador da empresa, plantou a Castelão Francês em sua propriedade, chamada de Cova da Periquita.