Salga conservação de alimentos

Além de contribuir para a conservação do alimento , fornece produtos de aroma e sabor característicos, aumenta a retenção de água no produto, favorecendo a maciez e em produtos enlatados e . Os povos da Península Ibérica herdaram o conhecimento da salga do peixe através dos Vikings que já o usavam fazia muito tempo para conservar seu. Esta técnica é feita à base de sal, uma substância que tem a capacidade de absorver u. O sal desidrata o alimento (retira a água da sua composição) por diferença de pressão osmótica – a água desloca-se do meio em que se encontra em maior concentração (no alimento ) para fora – reduzindo a sua actividade. Assim, permite a sua conservação pois a água é uma enorme fonte de . Salga Joselane Nascimento da Silva Tecg.

Algumas proteínas são desnaturadas e, se forem solúveis em solução salina, poderão ser perdidas. O produto obtido pode ter pouco mais de de água e cerca de de sal. Nessas condições, o produto mantido à . O processo de salga é um dos processos mais simples de conserva, consiste basicamente na adição de sal em grande quantidade sobre o alimento , o que retirar a água do alimento , diminuindo a decomposição quer por ação da autólise ou por ação de microrganismos, o sal quando adicionado além de retirar a água do . Surge, então, uma necessidade de conservação mais eficiente já que o produto viajaria para regiões cada vez mais distantes.

Os tropeiros utilizavam a salga das suas caças para o transporte em um clima muito hostil. Este processo é aplicado na conservação por salga ou salmoura de peixes ( bacalhau, anchovas), carnes (pertences para feijoada) ou vegetais (chucrute). Apesar da eficiente preservação dos produtos sob o ponto de vista microbiológico, a salga não evita a degradação química. Com o passar do tempo podem ocorrer .

Artigo sobre os principais métodos de conservação de alimentos utilizados pela indústria, como evitar a proliferação de microorganismos, etc. A defumação é, comumente, utilizada na conservação de peixes, carnes e linguiças. Nesse processo seca-se o alimento usando fumaça. Uma alternativa é salgá -la e colocá-la para secar ao sol.

Baseia- se na utilização do sal (cloreto de sódio), em concentração adequada, para diminuir ou, até mesmo, impedir a decomposição do alimentos sólidos, sobretudo carnes, pela ação de microrganismos, permitindo que o mesmo seja . Consiste na adição de sal ao alimento, cobrindo-o completamente (em concentração elevada), diminuindo ou impedindo a decomposição do alimento, quer por autólise quer por acção de . A salga é um das mais antigas técnicas de conservação de alimentos conhecidos. O processo de conservação através da salga surgiu a muito tempo , ainda não se sabe ao certo , mas o que se pode afirmar , é que os romanos utilizaram muito essa técnica , principalmente quando localizados em regiões com temperaturas mais baixas , pois o frio em conjunto com o processo de salga. Veja como é possível fazer conservação dos alimentos de forma saudável, sem a adição de conservantes químicos, com longa durabilidade. O sal provoca a diminuição da atividade de água dos alimentos , que é um fator de necessidade para a reprodução microbiana, aumentando desta forma a conservação dos alimentos. Os alimentos salgados podem, assim, ser mantidos à temperatura ambiente.

Estes são, salga , secagem e fumagem. Hoje em dia, são usados, congelamento, desidratação e de conservas métodos de refrigeração. Você pode ver os nomes dos métodos de conservação de alimentos abaixo: Preparar alimentos sob regras de higiene.

Algumas vezes, somos obrigados a guardar os alimentos prontos e mantê-los sob conservação até o momento que forem ser ingeridos. São processos caracterizados pelo uso do sal, secagem natural ( salga ) e pela exposição do alimento à ação do calor e da fumaça (defumação), contribuindo para a .