Gorduras boas e más

Gorduras boas e más : saiba o que as distingue. A ingestão de alimentos ricos em gordura leva ao aumento de peso, do colesterol e aumenta o risco de doenças. Este tipo de gordura está associado ao aumento dos níveis de colesterol plasmático e da incidência de patologia cardiovascular.

Em termos gerais, são gorduras que o organismo conhece muito bem, mas que em excesso nos prejudicam, pois contribuem para a obesidade e endurecimento das artérias. No entanto, há gorduras saudáveis.

Nós tendemos a pensar sobre gorduras como algo ruim para a saúde, mas isso não é inteiramente verdade. As gorduras são boas para você, quando consumidas de acordo com recomendações. Além de serem nutrientes importantes, também dão sabor aos alimentos. Não basta saber quais os alimentos ricos ou pobres em gordura.

Hoje em dia, precisamos de identificar os diferentes tipos de gordura presentes e vários alimentos e compreender o motivos por . Durante anos as indústrias da saúde e do fitness odiavam gordura. Gordura corporal, gordura alimentar, não interessava, eram contra isso! Mas , nos últimos anos, temo-nos vindo a aperceber de que esta questão não é assim tão simples.

Ou então já ouviu alguém dizer que não consumia alimentos com muita gordura, mas você sabia que existe uma diferença entre dois tipos de gordura? A gordura que consomes não se transforma, necessariamente, em . Sim, nem toda gordura é prejudicial à saúde. Algumas delas, por exemplo, . As pessoas falam tantas vezes acerca de gorduras boas e gorduras más , que a comida boa por vezes recebe uma reputação terrível. Em primeiro lugar, as gorduras saudáveis . Uma dieta rica em gordura saturada pode aumentar os níveis de lipoproteína de baixa densidade, ou colesterol ruim, no sangue ao longo do tempo, aumentando o risco de doenças cardiovasculares.

Mas esse risco foi recentemente contestado. Em um artigo no British Medical Journal, o cardiologista . Agora aposto que ficou uma pergunta na cabeça do leitor: mas por quê o óleo é considerado uma gordura boa ? Pois é, tanto óleo quanto azeite são ótimos para a saúde desde que não sejam aquecidos. Com a temperatura elevada, essas gorduras boas saturam e transformam-se em gorduras ruins maltratando a nossa. Seguramente já ouviste falar das gorduras saturadas, insaturadas, polinsaturadas, de origem animal, vegetal, hidrogenadas.

A umas chamamos boas , pela sua acção protectora cardiovascular (monoinsaturadas e polinsaturadas, que aumentam os níveis de HDL no sangue) e outras más , pois aumentam . Primeiro de tudo, devo esclarecer que as gorduras são necessárias para a vida. Muitas vezes você já ouviu falar que para perder peso, você deve .

E também que apesar de saudáveis, as “ boas ” gorduras continuam sendo calóricas e requerem cautela. Quando pensamos em gordura temos a tendência de acreditar que todo o tipo de gordura é prejudicial para o nosso organismo, mas isso não é totalmente verdade. Como identificar e separar as gorduras boas das gorduras ruins?

E claro, por sua vez, existem as temidas gorduras ruins, que são de origem animal, saturadas, e as trans que são modificadas e encontradas em alimentos processados. Mas como saber discerni-las e evitar o seu consumo? Kely Ferreira explica: A . Mas as gorduras , em todos os seus subtipos e variações, deve ser mantida em alta estima – com respeito tanto pela relação entre os diversos subtipos, quanto. Além do mais, também existem as gorduras -trans, que são ácidos graxos insaturados, mas em um local específico.

Países mediterrâneos consomem muito destas. Estas gorduras boas para o coração são geralmente uma boa fonte de .