Cabrito assado forno transmontana

Não é, pois, de estranhar que o cabrito seja uma das grandes referências da riquíssima cozinha transmontana , sendo uma das receitas tradicionais de Natal mais procuradas em Portugal. Tradicionalmente, o cabrito era assado em forno a lenha, que ainda é muito utilizado na região, dando um sabor indiscutivelmente. Receita de cabrito assado à transmontana , em Carnes, ingredientes: 1. Sal e pimenta preta moída,Colorau,1.

Volta ao forno mais um pouco até o vinho evaporar.

Confecção: Tempera-se de véspera a perna (ou pernas) do cabrito com todos os temperos e gorduras. Deixa-se ficar neste tempero algumas horas, ou de um dia para o outro, virando a carne de vez em quando para ganhar sabor. Cabrito Assado à Transmontana Felicia Sampaio. Vai assar em forno médio. Siga a receita e delicie-se!

Corte o cabrito em pedaços e coloque-os num recipiente grande. Deixe repousar cerca de 8horas. Leve o cabrito a assar junto com as batatas e as cebolinhas.

Faça um golpe em cada uma das castanhas, de modo a cortar . Ingredientes: 200kg de cabrito , dentes de alho, sal e pimenta q. TripAdvisor de Restaurante Convívio. O cabrito assado é uma das grandes referências da riquíssima cozinha transmontana , sendo uma das receitas tradicionais de Natal mais procuradas em… cozinhatradicional. Estava, como de costume, delicioso e vou dar-vos a receita. Podem ver a receita do arroz de miudos aqui.

Faz-se uma papa com os ingredientes (esmagando tudo num almofariz). Coloca-se o cabrito , unta-se com a papa, rega-se com o vinho branco e deixa-se marinar durante duas horas. Leva-se ao forno forte a assar e serve-se com batatas louras e espargado. Barra-se agora o cabrito com banha de porco e vai ao forno assar inteiro. Já em Trás-os-Montes, embora recheado também é assado.

Se prepara uma massa com alho esmagado, sal, pimenta, colorau e louro. No almoço de domingo de Páscoa é de tradição servir o cabrito assado no forno acompanhado de umas batatinhas, também elas assadas. Este foi o que confecionei para este domingo tão especial, onde habitualmente a família se reúne.

Porém, este também poderia ser um assado de um outro domingo . Separar as fressuras do cabrito , limpar algumas gorduras que possa ter e retirar o bedum das pernas (bola de sebo que é obrigatório eliminar da parte interior da perna), em seguida cortar o cabrito em pedaços.

No dia seguinte leve o cabrito ao forno para começar a assar, regando, duas ou três vezes, com a água onde esteve a marinar. Para a marinada: Juntar . Enquanto o cabrito assa, faça um.